sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Tallinn e Maputo ao "virar da esquina"

 A Graça tem o “péssimo”  hábito de ir por esse mundo fora à descoberta do belo e do bonito ( não digo do perfeito …) e encanta-se com o que os seus olhos vêm. Vai daí, passa a palavra do seu contentamento e eu, “confrade” nos RiTuAiS da amizade, leio e vejo…
Isto é coisa antiga: já em 2007 (?) alinhavei um texto onde dava  conta das minhas “invejas miudinhas”
(https://ritualmente.blogspot.com/2007/08/emoo-de-ter-inveja.html). Agora, depois da viagem a uma das minhas “pátrias” (Moçambique) “usou e abusou” das saudades e isso  não se faz a quem lhe quer bem (também) pelas memórias  dos RiTuAiS passados.
… leiam um excerto do texto, escrito em 2007,  e digam se tenho, ou não, razão  quando “assumo  a (minha) emoção de ter inveja”:
(…) falava de férias e da inveja que me corrói as entranhas pelo gozo com que os meus amigos ostentam o tom moreno trazido da praia, que para mim é uma chatice: areia em demasia, água salgada, ondas revoltas, sol, muito sol… calor! Praia de jeito é a que tem esplanadas, mesas e cadeiras confortáveis, cervejinhas bem frescas, e, já agora, uns camarões grelhados para desenjoar da bebida; se houver mar calmo e o reflexo da lua nas águas vier acompanhado do romantismo de companhia agradável e gentil, tanto melhor……
Recordo que o ano passado, por esta altura, sofri da mesma maleita; dados os factos passados e presentes, acho que sou portador de um “vírus crónico” que não se dá nada bem com este tempo… de férias.
-“Hoje estou em Tallinn (capital da Estónia)” e estou a adorar… –
 escreve(u) a Graça, para me “irritar”- só pode (...).
 __

Maputo: imagens de Graça Cardoso



Sem comentários:

Enviar um comentário